Páginas

Papo Cueca

Como tivemos o Papo Calcinha, nada mais justo do que iniciar o Papo Cueca pra descobrir tudo aquilo que os meninos não contam pra gente. Vamos la?







Lucas Brognara - 20 anos. Mais conhecido como Tang, Brognara, Br. Ama capivaras, dançar, é barman, tem uma banda de rock e seu sonho é formar um grupo de samba, estudante de Relações Internacionais.






   

Pedro Ewerton -18 anos. É um futuro profissional de radio e tv. Gosta de ser surpreendido mas quando te decepcionam é o fim.









Magnon Cunha - 22 anos. Cursa administração de empresas, bateristas, apaixonado por Rock n Roll e nas suas horas vagas gosta de aproveitar a vida com a namorada e com a sua banda.

                                



                              
                               Menina difícil é mais legal?



Lucas Brognara: Não gosto de colocar pessoas em palavras, mas já que a Jéssica convidou com tanto carinho (hahahaha). Vamos lá, então. Não necessariamente... temos A mania de criar certos padrões pra nossa vida que muitas vezes nos atrapalham. Definir tipos e suas características não ajuda em nada, principalmente quando queremos alguém. Já me impressionei tanto com mulheres "fáceis" quanto "difíceis". Não gosto muito dessas palavras, me vêm à cabeça uma ideia de troféu, de objetivo a ser alcançado. Enfim, há a possibilidade de uma mulher "difícil" ser bem legal, mas também há a de ela ser um pé no saco. Além do que, se eu dissesse MAIS legal que as demais, estaria sendo injusto com todas. Generalizar nunca é algo bom

Pedro Ewerton: Mais legal? Na maioria das vezes sim. Os homens, na maioria das vezes se apegam mais a mulheres que não são tão fáceis assim, que eles lutem pelo menos um pouco pra ter ela em suas mãos, porque assim ele sabe que se um dia ela for dele, provavelmente ela não vai se desfazer dele tão fácil assim, já que foi difícil conquistá-la. Obvio que tudo tem um limite e uma coisa é uma coisa e outra coisa é outra coisa. To falando de ser difícil, e de fazer cu doce! Acho que muitas mulheres hoje em dia não sabem diferenciar cu doce de ser difícil, porque são duas coisas completamente diferentes! O homem sabe quando é um ou quando é outro, e quando ele percebe que na verdade ela fica fazendo cu doce ele já cai fora, ate porque ninguém é obrigado a aguentar meninas assim, e é por isso também que muitas mulheres perdem seus homens/peguets por não saber diferenciar um do outro.

Magnon Cunha: Dependendo do fácil nos definimos (eu pelo menos) como uma menina solteira. Que quer curtir a vida. E não é porque ela foi pra cama na primeira noite com um maluco que é considerada uma "puta".




                          E menina fácil, como vocês definem?





Lucas Brognara: Poxa, hahahahaha! Fico preso entre duas respostas óbvias, preso em dois raciocínios bestas que vocês já devem ter em mente: que mulher "fácil" é boa; que é vagabunda. 
"Coé", gente! Vamos beber uma cerveja, eu pago! A vida não é por aí. Às vezes acordamos com vontade de se entregar, de procurar alguém pra tratar desses vazios que sentimos
no dia-a-dia, vazios de carne, de espírito, tão difíceis de lidar. Outras vezes procuramos soluções em nós mesmos, nos bastamos, não queremos nada além daquilo que podemos 
oferecer negociando um pouco de felicidade consigo. Por fim, definiria qualquer mulher que fosse como bem-vinda, seja pra rir, amar, se divertir.



Pedro Ewerton: Não defino como nada, até porque aliás cada um é cada um e a menina faz o que quer, não é? Não é porque a menina é fácil que eu vou deixar de ficar com ela ou algo do tipo, mas talvez, pra mim é algo que não me agradaria tanto pelo fato de que se ela foi fácil pra mim, ela é fácil pra todo mundo, correto? Então acho que isso deixa uma insegurança pro homem, por isso muitos não curtem muito continuar algo com uma menina fácil.

Magnon Cunha: Tudo depende das circunstâncias, do local, e etc... Não podemos julgar pela aparência. Até porque as aparências enganam em. E como enganam! Kkkkkk

      O que vocês acham de uma menina tomar a atitude de ligar no         dia seguinte?





Lucas Brognara: Eu acho que...porra! Liga logo! Deixa os estereótipos de lado e se permita sentir, fazer o que quer, o que acha certo! O problemas das pessoas é que elas se esforçam demais pra fingir que não sentem nada e "de menos" pra viver e se permitir.

Pedro Ewerton: Não acho nada ruim! Mas vai depender muito do caso, vai depender muito se o cara realmente gostou dela, porque as vezes ele pode ter ficado com ela mas não quer mais nada, mas as vezes ele ficou super apaixonado pela menina e quando vê ela ligando pra ele no dia seguinte, ele chega a pular de alegria! Não acho que seja uma atitude ruim pela parte das mulheres, até porque isso não significa que ela seja fácil ou difícil, isso significa que ela continuou interessada, o que também é uma boa indireta pro homem se tocar e ver que ela gostou dele.

Magnon Cunha: Acho normal. Não é porque eu sou homem que só eu tenho que correr atrás. Nós também gostamos de nos sentir queridos porra! Kkkk Por isso mulherada que curtiu o maluco e está com receio de ligar, para de viadagem e liga também! Não tem graça só a gente ficar indo atrás!

2 comentários:

Juliana Fachini disse...

Adorei ler as opiniões dos meninos! Gosto desse tipo de post porque é bom pra abrir nossa mente sobre alguns assuntos né? Tem coisa que é pira feminina e ver a que os homens pensam ajuda muito.

Beijos. s2
http://www.quaseatoa.com/

Paula Gaspari disse...

Que bacana.. muito legal saber as opiniões deles !!

Beijos
felicidade-essencial.blogspot.com.br

Postar um comentário